Idiomas

Português

Juri

 

JURI INTERNACIONAL

DANIEL QUEIROZ

Nascido em Belo Horizonte e formado em Administração, estudou cinema em cursos livres e em disciplinas isoladas, na UFMG. Na década de 1990, participou ativamente da organização de cursos e mostras no CEC - Centro de Estudos Cinematográficos de Minas Gerais. Em 2005 e 2006 foi programador do Cine Humberto Mauro. Entre 2007 e meados de 2010, trabalhou na Secretaria de Estado de Cultura de Minas Gerais, onde ocupou o cargo de Diretor de Audiovisual, sendo responsável pela coordenação do programa de fomento à produção, Filme em Minas. Participou do Festival Internacional de Curtas de Belo Horizonte, como membro das comissões de seleção (de 2003 a 2008) e como Diretor/Coordenador de Programação (de 2009 a 2012). Atualmente é programador do Cine 104, sala de exibição inaugurada em 2012, na capital mineira e curador do festival Semana dos Realizadores.
 
 
 
 

ELISKA ALTMANN

Professora adjunta da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, no Departamento de Ciências Sociais e no Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS). Coordenadora do Núcleo de Experimentações em Etnografia e Imagem (NEXTimagem) - PPGSA/IFCS/UFRJ. Integrante do GRAPPA – Grupo de Análises de Políticas e Poéticas Audiovisuais. Autora do livro “O Brasil imaginado na América Latina: a crítica de filmes de Glauber Rocha e Walter Salles”. Contra Capa/ Faperj, 2010. Idealizadora do portal CineCríticos - www.cinecriticos.com.br
 
 
 
 
 

SARA RASTEGAR

Nasceu em 1983 e deixou o Irã para a França aos cinco anos. Após atuar em dança e teatro, estudou arquitetura na Escola de Belas Artes de Paris. Em 2004, voltou ao Irã para fazer seu primeiro longa-metragem documental, L’Ami (O amigo), selecionado para muitos festivais internacionais e ganhou vários prêmios. Em 2008, ela voltou para fazer 7 Femmes (7 Mulheres), um documentário que parece um road movie sobre mulheres vivendo e trabalhando atualmente no Irã. Com Mes Souliers Rouges (Meus sapatos vermelhos) ela continua a seguir além das circunstâncias particulares daquele país para chegar até a fábula da vida.
 
 
 

JURI NACIONAL

 

LUCIANA BEZERRA

Luciana Bezerra é atriz, roteirista e realizadora cinematográfica. Atualmente também é gestora do Grupo Nós do Morro, onde se formou através de experimentações em interpretação, roteiro, direção, produção e onde atuou nos últimos anos como arte-educadora, exercendo a filosofia de “multiplicações dos saberes”. Atuou ainda como pesquisadora de elenco e professora na oficina de atores para o filme Cidade de Deus. Seu primeiro curta-metragem de ficção Mina de fé recebeu os prêmios de Melhor Curta no 37º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, Melhor Ficção Curta Cinema 2004, e foi exibido em mais de 10 países. Em 2010 lançou o livro “Meu destino era o Nós do Morro”, da coleção Tramas Urbanas, editado por Heloísa Buarque de Holanda, além do episódio Acende a luz no projeto de longa-metragem Cinco vezes favela – agora por nós mesmos, produzido por Carlos Diegues, seleção oficial do Festival de Cannes 2010 (hors-concours). Em 2012 foi um dos artistas escolhidos para participar da Rio occupation London.
 
 

 

MARIANA KAUFMAN

Mariana Kaufman é diretora e roteirista carioca, sócia da produtora FAGULHA FILMES. Graduou-se em Cinema (UFF) e Design (ESDI), estudou roteiro na NYU e pós graduou-se em roteiro na PUC RJ. Dá aula e é curadora de mostras de cinema. Dirigiu o curta Confete (2012), exibido em mais de 25 festivais pelo mundo, com Jo Serfaty, com quem também dirige o novo filme, em edição, A ilha do Farol (contemplado pela Riofilme). Acaba de lançar A mulher que não queria parar de beber suco de maracujá, e finaliza o documentário/videoarte, Bolívia, realizado a convite da Bienal de Arte da Bolívia.
 
 
 
 
 

THERESA JESSOUROUN

Theresa Jessouroun iniciou sua carreira como continuísta, fotógrafa de cena e assistente de montagem de filmes de longa-metragem. Trabalhou como produtora e assistente de Eduardo Coutinho, Helena Solberg, Silvio Tendler, Eduardo Escorel, Geraldo Sarno, entre outros. Sócia Diretora da Kinofilmes, produz, além de seus próprios filmes, institucionais e documentários para televisões estrangeiras como BBC, Channel Four, National Geographic, HBO. Dirigiu os documentários Alma de Mulher (1998), Samba (2001), Os Arturos (2003), Vida Severina (2005), Clarita (2007), Dois Mundos (2009), Fim do Silêncio (2009), Quando a Casa é a Rua (2012) e os longas Coração do Samba (2012) e À Queima Roupa (a ser lançado no segundo semestre de 2014).
 
 
 
 
 
 
Português, Brasil

Catálogo em PDF

Edições Anteriores

Femina nas Redes