Apresentação / Presentation

 

 O Femina – Festival Internacional de Cinema Feminino é um evento anual composto por exibição de filmes dirigidos por mulheres e Seminário.

O Femina é divido em três blocos principais: as Mostras Competitivas, as Mostras Informativas, Temáticas e Especiais, e o Seminário Femina.

Com a realização de edições anuais e através da exibição de filmes conjugada a debates, o Femina promove o trabalho da mulher no cinema, na arte e na cultura, estimula as jovens diretoras, contribui para a ampliação da participação profissional da mulher no cinema e na comunicação, para a sensibilização sobre a igualdade de gênero e a divulgação de representações positivas das mulheres.

Também exibe em sessões especiais filmes co-dirigidos por homens e mulheres, e dirigidos por homens com temática ou protagonismo feminino.

Em 2014 o Femina realizará sua 11° edição.

Durante uma semana, serão exibidas sessões diárias de longas e programas de curtas e médias de filmes nacionais e internacionais de todos os gêneros.

São duas Mostras Competitivas: COMPETIÇÃO INTERNACIONAL e COMPETIÇÃO NACIONAL, ambas para filmes de curta e longa metragem, de todos os gêneros (ficção, documentário, animação, experimental), dirigidos exclusivamente por mulheres.

As Mostras Informativas, temáticas e especiais incluem: ABERTURA com exibição de um longa, nacional ou estrangeiro, dirigido por uma realizadora; EU GOSTO É DE MULHER, filmes com temática lésbica; MASCULINO-FEMININO, filmes dirigidos por homens com temática ou protagonismo feminino; DIVIDINDO A CONTA, filmes co-dirigidos por homens e mulheres; PROGRAMA EXPERIMENTAL; PROGRAMA INFANTIL de curtas especialmente realizados para o público infanto-juvenil, de animação e ficção; HOMENAGEM a uma personalidade feminina do cinema brasileiro, entre outros.

O SEMINÁRIO FEMINA é composto por palestras e debates, realizado em parceria com instituições culturais, de promoção da igualdade de gênero e grupos de pesquisa, reúne cineastas, pesquisadores, jornalistas e outros convidados do meio cultural, acadêmico e intelectual para debaterem diversas questões como gênero, representações, corpo e sexualidade, direitos humanos, produção cultural e audiovisual, e outras questões pertinentes a temática do festival.